Contatos

       

    Trabalho desenvolvido no Grupo SABER é premiado em Congresso na Paraíba

    octopus_ctrle_No último dia 20, a colaboradora do Grupo SABER Priscilla Mendes, que atua como Administradora de Ambientes Virtuais de Aprendizagem, apresentou o artigo intitulado “Octopus: um novo plug-in de fórum para ambientes virtuais de aprendizagem Moodle”, no II Congresso sobre Tecnologias na Educação (Ctrl+E 2017), que ocorreu na Paraíba e reuniu participantes do Nordeste e de outras regiões do Brasil.

    Escrito em coautoria com Rodrigo Lins, Josiane Machiavelli, Cristine Gusmão, Patrícia Tedesco e Tatyane da Silva, o artigo foi considerado o melhor trabalho apresentado na categoria “Mostra de Software e Objetos de Aprendizagem”. O Octopus, desenvolvido pelo SABER, é uma nova proposta de fórum de discussão para ser integrado com a plataforma Moodle, visando aumentar o nível de participação dos seus usuários, um grande desafio para aqueles que utilizam plataformas virtuais para apoio aos processos de ensino e aprendizagem.

    Diversas funcionalidades foram adicionadas com este fim, dentre as quais destacam-se a possibilidade de os usuários avaliarem as publicações feitas por outros participantes e recomendação de pessoas e materiais a partir do mapeamento das áreas de interesse dos usuários. O Octopus conta também com chat, que permite a comunicação em tempo real sem a necessidade de utilizar outra ferramenta para isso, e exibe o ranking dos participantes que mais se destacam em uma oferta educacional. O componente “relatório” do fórum é outro diferencial, pois permite que a equipe gestora dos cursos conheça os temas mais discutidos, saiba quem são os usuários que se destacam em determinadas temáticas, identifique as postagens mais e menos curtidas, entre outros. Tudo isso com o recorte de localidade, como país, região, estado e município.

    Segundo Priscilla, o público recebeu o Octopus de forma positiva, “já que vários participantes relataram também enfrentar problemas em seus contextos com relação à participação dos alunos em atividades de fórum, e eles identificaram que as características do Octopus de fato seriam úteis para solucioná-los. Inclusive algumas pessoas relataram interesse em adotar a ferramenta, assim que ela for disponibilizada no diretório de plug-ins do Moodle”, o que deve ocorrer ainda assim que as fases de melhorias e testes da ferramenta forem concluídas.

    “A experiência de participar do evento foi bastante rica, pude me pôr a par de várias ideias interessantes que estão sendo desenvolvidas na área de tecnologia educacional, e também pude divulgar nossa ferramenta que, pelo indicado a partir do feedback dos participantes, tem potencial para auxiliar diversas outras instituições”, complementa Priscilla.

    Atualmente, o Octopus está sendo utilizado no Programa de Qualificação para Profissionais da Regulação do Sistema Único de Saúde, desenvolvido pela Universidade Aberta do Sistema Único de Saúde (UNA-SUS) da Universidade Federal de Pernambuco, em parceria com a Coordenação Geral de Regulação e Avaliação do Ministério da Saúde.

    Mais detalhes sobre o Octopus podem ser vistos no vídeo disponível aqui.